Janeiro-Fevereiro de 2021

Temas pastorais para um novo futuro

Editorial

Iniciamos um novo ano. Com ele, a esperança de um novo tempo. Dizer “novo ano” é diferente de dizer “mais um ano”.  A expressão “mais um ano” poderia dar a sensação de um peso, de um fardo semelhante ao do mito de Sísifo. O tempo presente, apesar dos cenários incertos, e agora agravados pela pandemia da Covid-19, revela-se para nós como um desafio de encontrar brechas que apontem para um novo tempo, um novo futuro. Nossa perspectiva é a da esperança. Aquela esperança iluminada pela fé, capaz de fazer nossos olhos enxergarem além do cinza do tempo.

Artigos Ver todos

O SÍNODO PARA A AMAZÔNIA: conveniência pastoral e audácia socioecológica

Paulo Suess

Introdução A Amazônia, com seus mais de 7 milhões de quilômetros quadrados, é uma das maiores regiões de biodiversidade do planeta Terra. Dessa biodiversidade fazem parte as múltiplas culturas dos seus aproximadamente 33,6 milhões de habitantes, dos quais entre 2 milhões e 2,5 milhões são indígenas (DFSA). Esses habitantes...

Um olhar crítico e construtivo sobre a cidade à luz da Economia de Francisco “Mestre, onde moras?” (Jo 1,38)

*Claudia de Andrade Silva; **Klaus da Silva Raupp; ***Eduardo Brasileiro

O papa Francisco, ao convocar jovens do mundo inteiro – especialistas das universidades e das ruas, empreendedores e agentes de mudança social – para o evento A Economia de Francisco, na cidade de Assis, na Itália, pretende lançar redes numa sociedade globalizada pela fome e pela dominação econômica e...

Diálogo profético: desafio da Campanha da Fraternidade Ecumênica de 2021

Joel Portella Amado

Introdução Com o tema “Fraternidade e diálogo”, a Campanha da Fraternidade de 2021 se insere no que, a partir dos desafios brotados da pandemia, se tem convencionado chamar de “novo futuro”. Discernido antes dos impactos causados pelo coronavírus, o tema “diálogo” tem mostrado importância cada vez maior, na medida...

Pedro Casaldáliga: o mártir que não conseguiram matar

Marcelo Barros

Qualquer pessoa que teve a graça de conhecer pessoalmente Pedro Casaldáliga e pôde alguma vez escutá-lo, se tiver alguma referência de fé bíblica e evangélica, certamente compreenderá a verdade do que o mártir Ignacio Ellacuría escreveu sobre o bispo mártir Óscar Romero: “Na pessoa dele, Deus passou por El...

Roteiros homiléticos Ver todos

3º DOMINGO DO TEMPO COMUM

24 janeiro

Mostrai-me, ó Senhor, vossos caminhos

I. INTRODUÇÃO GERAL Na liturgia deste domingo, Jesus chama os quatro primeiros discípulos, e estes o seguem imediatamente. A primeira leitura enfatiza que também os ninivitas imediatamente se arrependeram e fizeram penitência após a pregação de Jonas. Naquele tempo, o povo de Israel pensava ser o único povo de...

2º DOMINGO DO TEMPO COMUM

17 de janeiro

Tu me chamaste, aqui estou

I. INTRODUÇÃO GERAL A liturgia deste domingo nos mostra alguns exemplos de como as pessoas discernem o chamado de Deus no cotidiano da vida. Um discernimento autêntico não apenas muda o rumo da vida, mas também capacita a pessoa para levar uma vida centrada em Cristo. A primeira leitura...

BATISMO DO SENHOR

10 de janeiro

Jesus de Nazaré foi ungido por Deus

I. INTRODUÇÃO GERAL A festa do Batismo do Senhor marca o fim do tempo do Natal e o início do Tempo Comum no ciclo litúrgico. As liturgias do Tempo Comum nos lembram as implicações contínuas do nosso batismo: aquele momento em que Deus nos ungiu com seu Espírito e...

SANTA MÃE DE DEUS

1º de janeiro

Santa Maria, Mãe de Deus “nascido de mulher” para nos tornar filhos de Deus

I. INTRODUÇÃO GERAL “Deram-lhe o nome de Jesus, como fora chamado pelo anjo” (Lc 2,21). Essa afirmação do Evangelho de Lucas harmoniza-se com a primeira leitura: “assim invocarão o meu nome e eu os abençoarei” (Nm 6,27). Tal bênção, reservada outrora ao povo de Israel, estende-se agora a...